domingo, 16 de fevereiro de 2014

TUDO A QUE ASSISTI NO CINEMA: VERÃO 2014 (1ª PARTE)

Oi, pessoal! Quero deixar aqui inscrita a minha lista de filmes a que assisti no cinema entre janeiro e fevereiro, em Porto Alegre. Iniciarei pelos remakes, cult movies, que foram importantes para a minha geração. O 'Um corpo que cai' (Vertigo), de A. Hitchcock, saiu de cartaz de uma Sala Itaú. Quando ele reestreiou, a sala lotou e encontrei um amigo por lá em uma sessão após às 22h. Foi ótimo eu ter conferido a cópia porque não me lembrava de algumas cenas e de alguns detalhes. Da mesma forma, há uns 15 dias atrás, fui rever o "Fome de Viver", de Tony Scott, com a divina Catherine Deneuve e o camaleão David Bowie. O filme é um thriller do gênero gótico, sobre vampiros e suas eternas vidas entre os humanos, mas tem uma sofisticação ímpar não apenas pelo figurino, mas pela trilha musical, pela ambientação e pela estética da imagem. Os mais erotizantes são 'Ninfomaníaca', de Lars von Trier (sobre o qual escrevi neste blog, comentário muito lido na WEB) e "Azul, a cor mais quente', de A. Kechiche. Esse último o assisti há mais tempo, quando estreiou em Porto Alegre e não o comentei em meu blog, embora eu o tenha apreciado bastante. Depois, por ordem de afeto e apreço assisti aos:
'A Grande Beleza', de Paolo Sorrentino, que já foi agraciado com o Globo de Ouro 2014;
'Ela', de Spike Jonze, que comentei em um post logo abaixo deste;
'Philomena', de Stephen Frears, um diretor britânico que eu muito admiro, mas que há anos não conferia algo de sua lavra. A veterana e fantástica atriz Judi Dench é a protagonista deste longa e concorre a um Oscar de Melhor Atriz;
'O Lobo de Wall Street', de Martin Scorsese, com Leo Dicaprio arrasando, que disputará um Oscar de Melhor Ator;
'Blue Jasmine',  assistido há mais tempo, com a maravilhosa atuação de Kate Blanchet, que concorrerá a um Oscar de Melhor Atriz;
'Álbum de Família', de John Wells, com a não menos maravilhosa Meryl Streep, que também concorrerá ao Oscar de Melhor Atriz. Dá para sacar que o embate será grande neste ano.
A entrega ocorrerá pela TNT na noite de 2 de março. Por fim, ainda assisti a um filme que fez sucesso no Berlinale de 2013, 'Gloria', filme chileno de Sebastián Lielo, e à versão cinematográfica de 'A Menina que roubava Livros', de Brian Percival.
Aproveitem a safra e assistam, em especial, ao "Ela" (Her), porque ele é reflexivo e terapêutico, além do fato de que o Joaquin Phoenix está demais, como sempre! O filme "Trapaça" eu não tenho vontade de assistir; todavia, "12 de Escravidão" (ganhou o Bafta de Melhor Filme e de Melhor Ator) e "Caçadores de Obras-Primas" serão degustados no final de semana próximo! Abraço a todos!

7 comentários:

  1. O Phoenix já é um dos maiores atores de sua geração. E você não assistiu ao do Steve McQueen, o "12 anos de escravidão"? E que legal essa coisa de reapresentar na telona um grande filme como o "Vertigo". Deve ter sido ótimo revê-lo na big screen. Abraço, Rô!

    ResponderExcluir
  2. O '12 ANOS...' ESTÁ EM PRÉ-ESTREIA, COM HORÁRIOS MUITO TARDE. EU O CONFERIREI NA NOITE DE DOMINGO, DIA 23. OBRIGADA, FÁ PELO COMENTÁRIO.

    ResponderExcluir
  3. Ro sou fã número 1 do Sorrentino e tenho os seis longas dele. Ele fala com alto astral de coisas que encaramos como baixo. Hoje olharemos o Nebraska e o 12 anos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, Renato! Só conheço quatro dos longas de Sorrentino. O "Nebraska" não está ainda em cartaz em Porto Alegre. Obrigada pela leitura e pelo recado. Abração! Rô Candeloro

      Excluir
  4. Eu penso que você e'. de minha família , meu nome e Mirna Candel y sou cubana,estou agora morando no Brasil por trabalho,en el Estado Ceará, meu mail e mirnacandel2014@gmail.com.pode escreverme .saludos.obrigada.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Mirna, gracias por su post. No, mi nombre de familia es Candeloro, no Candel. Candel es un 'codinombre' solamente que estoy a usar en la Web. Saludos desde sur de Brasil.

    ResponderExcluir